27/03/2010

pedindo carona de Belo Horizonte até o Espírito Santo

No fim da minha aula no sábado, Monique já chegou com sua mochila lá na faculdade pra me encontrar. Tomamos uma cerveja com uns amigos meus, e pegamos o ônibus pra saída da cidade.
Roubamos um pouco de papel higiênico no posto de gasolina porque talvez teríamos que acampar à noite (nunca se sabe)..

Descemos num posto policial, já na saída de BH. Um PM rodoviário que tinha dado informação pra gente tava lá pedindo carona há uns 10 minutos. Mas a gente não demorou nem 5 minutos pra conseguir uma..

O cara que deu carona ficou surpreso, chamando a gente de louco e achando bacana a gente viajar assim. Ele também viajava de carona antigamente, mas nunca pra "tão longe"..

Deixou a gente no trevo de Santa Bárbara.

Nem 5 minutos novamente e parou um caminhão. Esse nos levou até João Monlevade.

Foi um pouquinho demorado pra sair de João Monlevade, levando em consideração que tava passando muito carro.
Parou um caminhão, mas ele tinha entendido a gente gritando nome de outra cidade, que era pro outro lado, no sentido que ele seguia.

Pouco depois parou outro caminhão. um catarinense. Esse catarinense já merece um post só pra ele, porque deu foi muita história pra contar..

caminho percorrido

No comments :

Post a comment